terça-feira, 30 de outubro de 2012

Presidente da Câmara convoca vereadores para votação do IPTU 2013



A Câmara Municipal de Campos realizou nesta terça-feira (30) quatro sessões ordinárias tratando de assuntos de relevante importância, incluindo a votação do Orçamento para o ano de 2013. 

No entanto, o presidente do Legislativo, vereador Nelson Nahim alertou os parlamentares presentes para a sessão de quarta-feira (31), quando estará na pauta para votação o Projeto de Lei que dispõe sobre o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU).

“Assim como votamos projetos relevantes como o orçamento, é importante que estejamos todos aqui na sessão desta quarta-feira para a votação do projeto que institui cobrança do IPTU referente ao próximo ano”, declarou Nahim.


Fonte: ASCOM/CMCG 

Pelo menos 26 pessoas morrem na passagem do Sandy pelos EUA




Pelo menos 26 pessoas morreram em oito Estados americanos em decorrência da passagem da tempestade tropical Sandy. O Estado com maior número de mortes é o de Nova York, com 15, conforme as informações do governador Andrew Cuomo. O fenômeno matou ainda uma pessoa no Canadá. Na semana passada, em sua passagem pelo Caribe, Sandy havia matado outras 66 pessoas, sendo 44 no Haiti.

De acordo com a agência de notícias Associated Press, o total de mortos pode chegar a 33. Com Sandy, a cidade de Nova York enfrenta uma das maiores destruições provocadas por um fenômeno natural na sua história, inundando todas as regiões baixas da ilha de Manhattan, em especial o sul da cidade, e deixando 750 mil casas sem energia elétrica.
O prefeito de Nova York, Michael Bloomberg, disse esperar que o número de mortos na cidade suba.

Ele confirmou que chegou a 80 o número de imóveis destruídos por um incêndio que atingiu o bairro do Queens, no subúrbio. O fogo começou durante a madrugada, mas, no começo da tarde desta terça-feira, Bombeiros seguiam no local, trabalhando para conter as chamas. Apesar da destruição, não há registro de mortes no episódio. Foram registrados, ao todo, 23 incêndios.

Mais cedo, a fachada de um prédio de três andares desabou no bairro de Chelsea, sem deixar feridos, e um guindaste rachou e ficou pendurado no 90º andar do prédio residencial mais alto em Nova York, ainda em construção, em frente ao Central Park. Mais de 61 mil pessoas estão nos 76 abrigos improvisados em prédios públicos da cidade. Parte deles chegou a ficar sem energia, mas já está operando normalmente.

Todas as cerca de 1.700 escolas públicas da cidade permanecem fechadas.

Fonte: Folha.com 

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Com transportes parados, Nova York se prepara para passagem de furacão


A população de Nova York se prepara nesta segunda-feira para a passagem do furacão Sandy, que forçou o fechamento de todo o sistema de transporte, escolas e mercados financeiros. Em toda a costa leste dos EUA, o furacão ameaça cerca de 50 milhões de pessoas.

Sandy segue o caminho previsto e deve passar por Washington, Baltimore, Philadelphia e Nova York, numa trajetória que o colocaria em colisão com outros dois sistemas climáticos, criando uma supertempestade. Em Nova York, muitos trabalhadores decidiram ficar em casa nesta segunda-feira, já que metrôs, ônibus e trens não funcionarão por causa da ameaça de inundação. Aeroportos também foram fechados e moradores de várias regiões foram retiradas de suas casas. Em toda a costa leste, quase 7,5 mil voos foram cancelados.

No domingo, as chuvas começaram a atingir o nordeste dos EUA, de Maryland a Connecticut. O presidente dos EUA, Barack Obama, declarou estado de emergência em Massachusetts, Connecticut, Rhode Island, Nova York, Nova Jersey e Pensilvânia, autorizando uma operação do governo federal a começar o trabalho de ajuda desde já.

Ele prometeu que o governo responderá de forma "grandiosa e rápida" após a tempestade. "Minha mensagem aos governadores e prefeitos é que estaremos aqui para o que eles precisarem, e vamos cortar a fita vermelha", disse Obama. "Não vamos ser impedidos por um  monte de regras."

Autoridades alertaram que Nova York poderia ter inundações na parte baixa de Manhattan e nos túneis do metrô. Falhas no sistema de energia e comunicação, vitais para o centro financeiro da cidade, também podem acontecer. A bolsa de Nova York ficará fechada nesta segunda-feira. Na sede da ONU, todas as reuniões foram canceladas.

Aulas também foram suspensas para os cerca de 1,1 milhão de estudantes da cidade depois da parada no sistema de transportes, que começou na noite de domingo. Mais de cinco milhões de pessoas usam tansporte público em Nova York diariamente.

O prefeito da cidade, Michael Bloomberg, fez um apelo para que os moradores respeitem os procedimentos de segurança. "Essa é uma tempestade séria e perigosa", aletrou. Sandy, um furacão de categoria 1 que nesta segunda-feira se move com ventos de até 136 km/h, causou 65 mortes durante sua passagem pelo Caribe.

Fonte: IG/Último Segundo 

Onda de violência volta a assustar São Paulo



 Uma nova onda de violência resgitrada este fim de semana em São Paulo voltou a assustar os paulistas e a preocupar as autoridades de segurança. Pelo menos 12 pessoas foram baleadas e cinco morreram na capital paulista e no ABC entre a noite de sábado e a madrugada de ontem, segundo informações da Polícia Civil.

Na série de crimes, uma base da Guarda Municipal de Guarulhos, na Grande São Paulo, foi atacada por homens em duas motos na madrugada de ontem. Os criminosos dispararam diversas vezes e fugiram em direção à Via Dutra. Os tiros atingiram as paredes da base, mas nenhum guarda ficou ferido.

A maioria dos assassinatos foi cometida por homens que ocupavam motocicletas, de acordo com a polícia, como na Rua Madeira, região central da capital. Dois homens armados em uma motocicleta dispararam contra uma mulher e dois homens que estavam em um bar. As vítimas foram socorridas e encaminhadas a um pronto-socorro e não corriam risco de morte no início da manhã.

Fonte: Jornal O Dia 

PT tem de respeitar Supremo, diz Gleisi Hoffmann


 Vitoriosa com a eleição do ex-tucano Gustavo Fruet (PDT) ao comando de Curitiba, a ministra Gleisi Hoffmann (Casa Civil) disse em entrevista que o eleitor soube separar o julgamento do mensalão do processo eleitoral e que é preciso respeitar o resultado da ação no Supremo Tribunal Federal."Nós podemos gostar ou não de como as coisas se dão, mas nós temos de respeitar resultados e instituições."

A ministra petista fez um balanço da disputa municipal: "Quem apostou contra o PT se decepcionou". Na capital paranaense, ela e seu marido, o ministro Paulo Bernardo (Comunicações), firmaram uma aliança polêmica, mas conseguiram retornar a Brasília fortalecidos e com o caminho aberto à sucessão ao governo do Estado. 

Fonte: Folha.com 

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

STF começa nesta quinta a definir pena de sócio de Marcos Valério


O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) define nesta quinta-feira (25) a soma final da pena de Marcos Valério e também começa a definir as penas do réu Ramon Hollerbach, sócio de Marcos Valério. Hollerbach foi condenado no processo do mensalão por corrupção ativa, peculato, lavagem de dinheiro, evasão de divisas, e formação de quadrilha.

O ministro Cezar Peluso, que se aposentou em setembro ao completar 70 anos, chegou a votar pela condenação do empresário a oito anos de prisão, além de multa de R$ 148,2 mil. Agora, relator e revisor do processo apresentarão seus cálculos. Em seguida, votarão os demais ministros da corte. 

Após definir a pena de Hollerbach, o plenário do STF deverá calcular a pena do outro sócio de Valério, Cristiano Paz, conforme ordem de acusação da denúncia do Ministério Público. Nesta quarta (veja ao lado), os ministros calcularam a pena de Valério, apontado como o operador do mensalão, em 40 anos, 1 mês e 6 dias de prisão, além de multa que pode chegar a R$ 2,783 milhões (em valores que ainda serão corrigidos). A soma final da pena, contudo, será definida pela corte nesta quinta. 

Se prevalecer a pena estipulada nesta quarta pelos ministros, Valério terá de permanecer pelo menos 6 anos e 8 meses em regime fechado, período equivalente a um sexto da pena total. Só depois desse prazo, poderá requisitar a progressão da pena, que pode lhe dar direito ao regime semi-aberto. No entanto, a conta de quando Valério poderá pedir a progressão depende ainda da validação da pena estipulada pelos ministros.

A punição pode ser reduzida porque os ministros ainda vão definir se houve concurso material (quando as penas são somadas), concurso formal (quando com uma só ação se pratica mais de um crime é aplicada a pena mais grave, podendo ser ampliada) ou crime continuado (quando o segundo ou demais crimes são continuação do primeiro, então é aplicada a pena mais grave, podendo ser ampliada)

Fonte: Globo.com 

Desemprego no país em setembro fica em 5,4%, menor desde 2002


A taxa de desemprego no Brasil ficou em 5,4% em setembro, segundo dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quinta-feira (25). É a menor taxa para o mês desde 2002, quando teve início a série histórica.

Em agosto, o desemprego havia ficado em 5,3%. E, em setembro de 2011, estava em 6%. O número continua perto da mínima histórica de 4,7% atingida em dezembro.

A população desocupada (1,3 milhão de pessoas) ficou praticamente estável em relação ao mês anterior e teve queda de 8,6% frente a setembro do ano passado (menos 125 mil pessoas).

A população ocupada (23,2 milhões) cresceu 0,9% em comparação a agosto (mais 212 mil ocupados). Na comparação com setembro do ano passado, foi verificado aumento de 2,3%, o que representou um adicional de 512 mil pessoas em 12 meses.

O número de trabalhadores com carteira assinada no setor privado (11,4 milhões) não registrou variação na comparação com agosto. Na comparação anual, houve uma elevação de 3,6%, representando um adicional de 393 mil postos de trabalho com carteira assinada.

O rendimento médio real habitual dos ocupados (R$ 1.771,20,) foi considerado estável em relação a agosto. Na comparação com setembro de 2011 teve alta de 4,3%.

A massa de rendimento real habitual (R$ 41,3 bilhões) aumentou 0,9% em relação a agosto e 6,5% em relação a setembro de 2011.

O baixo nível de desemprego e o aumento da renda continuam ajudando na atividade econômica brasileira, que começou a dar sinais de aquecimento no segundo semestre após um início de ano cambaleante devido à crise internacional.

Em agosto, houve avanço de 0,98% ante julho no Índice de Atividade Econômica (IBC-Br) do Banco Central, considerado um sinalizador do Produto Interno Bruto (PIB). Isso depois de uma alta de 1,5% na produção industrial e avanço de 0,2% nas vendas no varejo em agosto.

Fonte: Site UOL 

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Pesquisa: seis em cada dez consumidores vão usar 13º salário para pagar dívidas


Cerca de 61% dos consumidores do país vão utilizar o dinheiro do 13º salário para pagar dívidas, segundo pesquisa divulgada nesta quarta-feira (24) pela Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac).
Em nota, a Anefac afirma que "isto demonstra que a redução da atividade econômica e inflação mais elevada aumentaram o endividamento dos consumidores". Entre os endividados, mais de 70% dos entrevistados alegaram que as dívidas do cartão de crédito e do cheque especial são as que mais pesam no bolso.
A pesquisa mostra, ainda, que 16% dos consumidores vão usar o 13º para comprar presentes. Este resultado representa uma redução de 5,88% em relação ao ano passado. Entre os que vão comprar presentes, 76% pretendem gastar no máximo R$ 500. Em 2011, esse índice era de 72%.

A maioria, ou 80% destes consumidores, disse que deverá usar o cartão de crédito como uma das formas de pagamento das compras. Produtos eletrônicos, celulares e roupas estarão entre os presentes mais comprados, segundo a pesquisa.
Além de pagar dívidas e comprar presentes, muitos consumidores disseram também que vão usa o 13º salário no pagamento das contas que aparecem no começo do ano, como IPVA, IPTU e material escolar. Essa foi a resposta dada por 12% dos entrevistados.
O percentual de consumidores que pretende guardar o dinheiro recebido é de apenas 3%, segundo a Anefac.
Fonte: Site UOL 

terça-feira, 23 de outubro de 2012

Pelo menos 14 morrem em acidente na rodovia Rio-Teresópolis



Pelo menos 14 pessoas morreram no acidente envolvendo um ônibus da Auto Viação 1001, na segunda-feira (22), na BR-116 (Rio-Teresópolis), na região serrana do Rio de Janeiro. O veículo, no qual estavam 30 passageiros e o motorista, descia a serra em direção à capital quando tombou na pista e acabou despencando de uma ribanceira. Em nota, a Auto Viação 1001 informou ainda que 15 pessoas seguem internadas, das quais sete em estado grave.
Por volta de 11h15 desta terça-feira (23), a assessoria da empresa atualizou o número de mortes para 15, porém a Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro corrigiu a informação sobre uma vítima internada no hospital Miguel Couto, no Leblon, na zona sul da capital. De acordo com o órgão, a passageira Vera Lúcia de Paula Lopes apresenta quadro estável. Ela sofreu um ferimento no ombro.
Na versão da Auto Viação 1001, além das dez vítimas fatais encaminhadas para o Instituto Médico-Legal (IML) do Rio --oito corpos já foram identificados e seis, liberados--, uma vítima morreu logo após dar entrada no hospital de Saracuruna, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. Já três pessoas que estavam em estado grave no hospital das Clínicas, em Teresópolis, na região serrana, morreram nesta manhã.
Os enterros dos seis corpos já liberados pelo IML ocorrem na tarde desta terça-feira (23) em cemitérios da Baixada Fluminense.
Fonte: Site UOL 

segunda-feira, 22 de outubro de 2012

STF deve concluir nesta segunda se houve quadrilha no mensalão



O Supremo Tribunal Federal retoma nesta segunda-feira (22) a análise sobre a acusação de formação de quadrilha no mensalão. Na sessão, oito ministros que ainda não votaram sobre este tópico se verão diante de uma divergência aberta na semana passada entre o relator e o revisor da ação penal.
A denúncia do Ministério Público aponta uma quadrilha – segundo o Código Penal, associação de três ou mais pessoas com a finalidade de cometer crimes – formada por 13 réus com o objetivo de comandar e operar o esquema voltado para a compra de apoio político no Congresso durante o início do governo de Luiz Inácio Lula da Silva.

Integrariam o grupo réus dos três núcleos: 1) pelo político, o ex-chefe da Casa Civil José Dirceu, o ex-presidente do PT José Genoino e o ex-tesoureiro do partido Delúbio Soares; 2) pelo publicitário, Marcos Valério, seus dois sócios Ramon Hollerbach e Cristiano Paz, seu advogado Rogério Tolentino e as funcionárias Simone Vasconcelos e Geiza Dias; 3) pelo financeiro, a dona do Banco Rural, Kátia Rabello, os ex-dirigentes José Roberto Salgado,Vinícius Samarane e Ayanna Tenório.

Fonte: Globo.com 

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Eduardo Paes quer internação compulsória de viciados no Rio



A internação compulsória (contra a vontade) de adultos viciados em crack poderia ajudar no combate à proliferação e a migração de usuários da droga na cidade. A proposta é defendida pelo prefeito Eduardo Paes , cuja administração já adota a internação involuntária de crianças e adolescentes. Mas alguns especialistas contrários à medida criticam a prefeitura pela falta de leitos e unidades de tratamento.

“É um desafio. Eu sou totalmente a favor (da internação compulsória) para o sujeito que está correndo risco de vida, completamente desorientado”, disse Paes. O próprio prefeito reconhece a falta de estrutura adequada para dar conta de tantas internações forçadas. 

“Temos que ampliar a rede e sua qualidade. Mas estamos fazendo nossa parte, pois há três anos o governo municipal não tratava de crack”, argumentou. O município tem quatro Centros de Atenção Psicossocial (CAPs) para internação de adultos drogados, com 538 vagas ocupadas.

O estado não tem clínica. As duas conveniadas, com 180 vagas, estão sem contrato desde 19 de agosto. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, novo convênio com clínicas está em fase de tramitação.

Fonte: IG/Último Segundo 

Hábito de pular o café da manhã faz o cérebro buscar gordura




O cérebro fica ávido por alimentos calóricos quando se começa o dia em jejum, segundo uma nova pesquisa. Exames de imagem com 21 pessoas com peso normal mostraram que o hábito de pular o café da manhã fez com que elas comessem mais na hora do almoço.

Os pesquisadores do Imperial College London ficaram curiosos sobre o que acontecia no cérebro para alterar o tipo de comida escolhido, então mostraram a estas pessoas fotos de alimentos calóricos enquanto elas eram colocadas no aparelho de ressonância magnética. Em alguns dias, os voluntários não tomaram café da manhã antes do exame e, em outros, foram alimentados com uma refeição de 730 calorias no início do dia, uma hora e meia antes do exame.

Os resultados, apresentados na conferência Neurociência 2012, mostraram que o cérebro mudava a resposta às fotos de alimentos calóricos — mas não às dos alimentos magros — quando o café da manhã tinha sido pulado. A parte do cérebro envolvida no apelo à comida, o córtex orbitofrontal, ficava mais ativa quando o estômago estava vazio, segundo a pesquisa.

Quando o almoço era oferecido no fim dos exames, os voluntários comiam 20% mais calorias se tivessem começado o dia em jejum. os nutricionistas ouvidos acreditam que o café da manhã esteja relacionado à estabilização dos níveis de açúcar, que nos mantém “na linha”.


Fonte: Jornal Extra 

Fim do visto deve levar mais 300 mil brasileiros aos EUA



Os Estados Unidos vão receber 316 mil turistas brasileiros a mais todos os anos se o Brasil for incluído no programa de dispensa de visto. Esse é o cálculo da US Travel Association, entidade que representa empresas de turismo norte-americanas e faz lobby pela dispensa do visto para os brasileiros.

A associação faz a estimativa com base no aumento no fluxo de turistas de outros países que já foram incluídos no programa de dispensa de visto para entrar no país. O número de turistas brasileiros nos Estados Unidos deve chegar a 1,8 milhão neste ano, uma alta de 18% em relação a 2011, de acordo com o Departamento de Comércio dos Estados Unidos.

Segundo o governo norte-americano, a espera para se marcar a entrevista do visto americano no Brasil caiu de 140 dias para um a dois dias neste ano, após a implementação de medidas como o aumento de funcionários, de consulados e dos horários de trabalho nos postos.

Fonte: Folha.com 

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Falta de chuva faz ONS ligar térmicas a óleo e diesel; conta deve encarecer




O ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico) determinará hoje o acionamento de térmicas movidas a óleo combustível e diesel em todo o país para suprir uma carga de 2.100 MW médios que deixarão de ser fornecidas pelas hidrelétricas ao sistema.

A razão para essa decisão está no atraso das chuvas. O ONS só determina o acionamento destas térmicas quando a situação é crítica.

O custo por MWh (megawatt hora) gerado nessas usinas pode variar entre R$ 400 e R$ 500, muito acima das térmicas a gás natural, que também já foram ligadas para tentar frear a queda dos reservatórios do sistema elétrico brasileiro.

Não deve faltar energia, mas os consumidores devem sentir os efeitos desse custo no ano que vem, quando as distribuidoras responsáveis pelo fornecimento da energia que consumimos receberem o reajuste das tarifas.

No alto verão --quando há abundância de água nos reservatórios--, as hidrelétricas produzem energia a um custo inferior a R$ 50 por MWh, mas isso não está ocorrendo neste momento.

Com o atraso das chuvas, o PLD (Preço de Liquidação das Diferenças) --índice utilizado pelo operador do sistema elétrico para precificar o custo da geração a partir da oferta de energia disponível nas hidrelétricas-- atinge agora níveis superiores a R$ 300 por MWh.

Como aumentou o risco de déficit no sistema, o operador determinou o acionamento das térmicas a óleo combustível. O ONS disse que o sistema de reservatórios de hidrelétricas no Sudeste e Centro Oeste tem déficit de 11,5% acima da CAR (Curva de Aversão ao Risco).

Essa "curva de aversão" foi criada para calcular qual é o tamanho do déficit de hidrelétricas no SIN (Sistema Interligado Nacional). Hoje, esse risco não deveria superar 5% no sistema. No Nordeste, a curva está 5,3% acima do nível meta.

Desde setembro, o ONS sentiu a necessidade de ligar as térmicas a óleo, mas retardou a decisão para evitar custos excessivos aos consumidores. Agora, alega que não tem mais como esperar.

Fonte: Folha.com 

Entenda o que o decreto presidencial vetou na MP do Código Florestal


Nesta quinta-feira (18), o Diário Oficial da União publicou o decreto presidencial com nove vetos que alteram a medida provisória (MP) do Código Florestal, aprovada pelo Congresso em setembro.
A presidente Dilma Rousseff suspendeu trechos da MP que beneficiavam grandes produtores rurais e decidiu resgatar sua versão do dispositivo que cria regras diferentes de recomposição nas margens de rios, de acordo com o tamanho da propriedade – conhecido como "escadinha".
Dilma vetou o artigo 83 e fez alterações parciais nos artigos 4°, 15°, 35°, 59°, 61°-A e 61°-B. O decreto esclarece ainda como vai funcionar o Sistema de Cadastro Ambiental Rural (CAR) e estabelece normas aos Programas de Regularização Ambiental (PRA).


As alterações que a presidente impôs ao texto do Código Florestal, pela lei, devem ser analisadas pelos parlamentares em até 30 dias. No entanto, a Secretaria-geral do Senado informou que, desde 2010, o Congresso não vota vetos presidenciais.

Por isso, a fila desses itens na pauta é grande, e o mais provável é que as suspensões ao texto também demorem para ser apreciadas. Já o decreto editado pela presidente para suprir os vetos não precisa passar pelo crivo dos parlamentares.


Fonte: Globo.com 

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Brasileiros casam-se mais com pessoas de mesma etnia e instrução, diz IBGE


Dados inéditos do Censo do IBGE de 2010 mostram que os brasileiros buscam seu "par perfeito" em seus próprios grupos étnicos e entre pessoas com o mesmo nível de instrução, o que revela a tendência do casamento "entre iguais".

O exemplo mais evidente desse movimento é que 75,2% dos homens e 73,7% das mulheres brancas casavam-se com pessoas da mesma raça. Os percentuais consideram todos os tipos de união, como casamentos no civil, religioso ou uniões consensuais.
Na divisão por cor, os dados revelaram que as mulheres pretas casavam-se mais com homens brancos (25,5% das uniões desse grupo) do que com pardos (22,9%).

Entre aqueles que se declararam pardos, por seu turno, 69% de homens e 68,1% das mulheres tinham como parceiros pessoas com a mesma cor da pele. Segundo o IBGE, a mesma tendência de união entre "iguais" se repetia por grupos de escolaridade. Pelos dados do Censo 2010, 47% dos homens e 51,2% das mulheres com curso superior uniam-se a pessoas com o mesmo grau de escolaridade.

Na faixa mais baixa de instrução (até o fundamental incompleto), esses percentuais eram ainda mais altos no Censo de 2010: 82,9% para homens e 85,3% para mulheres.
Segundo Leonardo Queiroz Athias, técnico do IBGE, o "fator determinante" que junta pessoas com características semelhantes é o nível de rendimento. Tal "condicionante", diz, explica maiores uniões entre brancos e pessoas com curso superior --grupos de mais alto rendimento.

No caso dos pretos (grupo que corresponde a apenas cerca de 10% da população), o fato do menor contingente dificulta a escolha de pessoas no mesmo grupo para se relacionar e casar.

Fonte: Folha.com 

terça-feira, 16 de outubro de 2012

Deputado é expulso de velório de idosa morta depois de receber injeção de café com leite: ‘Deveria respeitar o momento’, diz neto



O deputado estadual Iranildo Campos (PSD) foi convidado a se retirar do velório de Palmerina Pires Ribeiro, que morreu no último domingo, aos 80 anos, após ter café com leite injetado na veia. Iranildo, que já foi secretário de Saúde de São João de Meriti, estava conversando com jornalistas, quando um dos netos da idosa disse que ele não era bem-vindo.

"Se ele veio para ser solidário, não precisava dar entrevistas. Deveria respeitar esse momento e não vir para fazer política para tirar benefício", disse o vendedor Marcos Ribeiro da Silva, de 32 anos, neto da vítima.
Segundo o deputado, a Secretaria de Saúde de São João de Meriti não divulgou o nome dos envolvidos no caso a pedido do delegado. 

O parlamentar disse ainda que nesta terça-feira vai oficializar a comissão de saúde da Alerj para convocar todos os envolvidos não só com o erro ocorrido no Posto de Atendimento Médico (PAM) de Meriti como também no de um hospital de Barra Mansa - lá, uma idosa morreu depois de receber uma injeção de sopa.

"Isso é um absurdo. Eu exoneraria imediatamente todos os envolvidos".

Palmerina foi enterrada na manhã desta terça no Cemitério Vila Rosali. Parentes da idosa pediram que os responsáveis pelo atendimento a ela sejam responsabilizados. Eles também criticaram o fato de o nome da estagiária que deu a injeção e do curso que ela faz não terem sido divulgados.

Fonte: Jornal Extra 

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Governo regulamenta Lei de Cotas que destina metade das vagas das instituições federais a estudantes da escola pública



O governo federal publicou o decreto 7.824/2012 que regulamenta a Lei de Cotas (lei 12.711/2012) nesta segunda-feira (15). O decreto foi assinado pela presidente Dilma Rousseff na última quinta (11).
O critério racial acompanhará, pelo menos, a proporção de pretos, pardos e indígenas do Estado de acordo com o último censo divulgado pelo IBGE. Cada estabelecimento poderá ampliar esse percentual.
Haverá também um critério social: metade das vagas reservadas serão destinadas a candidatos em que a renda bruta por pessoa seja igual ou inferior a "um inteiro e cinco décimos" de salário mínimo.
Segundo o decreto, os resultados do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) poderão ser utilizados como critério de seleção para o ingresso nas instituições federais vinculadas ao MEC (Ministério da Educação) que ofertam vagas de educação superior.
As universidades terão que implementar, pelo menos 25% da reserva de vagas a cada ano, devendo a lei estar completamente em vigor até 30 de agosto de 2016.

Escola pública - A lei de cotas estabelece que 50% das vagas das instituições federais (universidades e institutos) serão destinadas a alunos de escolas públicas. No caso das universidades, o candidato cotista precisará ter cursado "integralmente o ensino médio em escolas públicas, inclusive em cursos de educação profissional técnica".


O mesmo vale para as escolas técnicas: metade das vagas ficarão para os alunos que fizeram todo o ensino fundamental em escolas públicas, sempre observando os critérios sociais e raciais.
Fonte: Site UOL 

STF conclui nesta segunda análise do item sobre lavagem de dinheiro



O plenário do Supremo Tribunal Federal conclui nesta segunda-feira (15) a parte do julgamento do mensalão referente ao  item da denúncia que trata da acusação de lavagem de dinheiro contra seis réus no processo – entre eles, os ex-deputados Paulo Rocha (PT-PA) e João Magno (PT-MG) e o ex-ministro dos Transportes Anderson Adauto. Na mesma sessão, o tribunal também deve começar a decidir sobre o item seguinte – evasão de divisas, pela qual respondem dez réus, entre os quais o publicitário Duda Mendonça e a sócia dele, Zilmar Fernandes.
Os seis réus por lavagem de dinheiro, todos ligados ao PT, são acusados pelo Ministério Público Federal de ocultar a origem do dinheiro recebido das agências de Marcos Valério, apontado pela denúncia da Procuradoria-Geral da República como o operador do mensalão, esquema que seria destinado à compra de votos de parlamentares para aprovar no Congresso projetos de interesse do governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Segundo a denúncia, os réus obtiveram os recursos após solicitação ao ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares.
Com a manifestação na semana passada de sete ministros, Paulo Rocha, João Magno e o ex-ministro dos Transportes Anderson Adauto somam cinco votos pela absolvição e dois pela condenação –  veja o que dizem defesa e acusação sobre cada réu.
Fonte: Globo.com 

quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Taxa de natalidade cai e população brasileira deve parar de crescer




Diante de uma taxa de natalidade de apenas 1,7% (comparável a países como França e Reino Unido), o Brasil caminha rapidamente para uma estagnação de sua população. O Ipea projeta 200 milhões de pessoas em 2020. Vinte anos mais tarde, em 2040, esse número crescerá em apenas 4 milhões, prevê o instituto ligado à Presidência da República.

Segundo dados da última Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios), viviam no país 195,2 milhões de pessoas em 2011. "O germe do declínio populacional já está instalado no país, que são as baixas taxas de fecundidade e o reduzido crescimento da população", disse Ana Amélia Camarano, demógrafa do Ipea.

Para a pesquisadora, o aumento populacional atual de apenas 0,7% ao ano e a menor natalidade --que deve chegar a 1 filho por mulher em 2030-- fazem o país migrar de uma "explosão de população" no passado para uma "implosão de população" no futuro próximo, acompanhada do envelhecimento da estrutura etária do país.

Um dos problemas da estrutura etária envelhecida é que a força de trabalho também recua, reduzindo a capacidade produtiva do país. "Há apenas 20 anos ainda falávamos em explosão populacional. O problema agora é outro. A questão é como prover saúde e condições de autonomia a uma população cada vez mais envelhecida", afirmou a demógrafa.
De acordo com Camarano, as mulheres brasileiras tinham cerca de 6 filhos, em média, nos anos 50 e 60. Naquele período, a população crescia a um ritmo anual superior a 3%. "Foi o nosso período do 'baby boom'", afirma.

A taxa de fecundidade foi rapidamente declinando (com adventos como a pílula e outros métodos contraceptivos e o aumento do nível de educação) nos últimos anos. Atualmente, diz, ela está num nível "consideravelmente abaixo" da chamada taxa de reposição da população --de 2,14 filhos por mulher.

A lógica embutida nessa taxa é a seguinte: cada mulher tem de gerar duas crianças para "repor" o pai e ela própria; o 0,14 adicional é para compensar sobretudo aqueles que morrem antes de terem filhos.

Com tal dinâmica, prevê, só as faixas etárias acima de 45 anos vão crescer a partir de 2030. De 2040 em diante, a única parcela que crescerá em números absolutos será a de 60 anos ou mais.

O Brasil caminha rapidamente, afirma, para ter um perfil populacional "bastante envelhecido" e de fecundidade muito baixa (em torno ou pouco acima de 1 filho por mulher), comparável aos países do sul da Europa (Portugal, Espanha, Itália e Grécia, sobretudo) e do Japão.
França e Reino Unido, diz, ainda mantêm uma estrutura um mais jovem e taxa de fecundidade maior graças ao peso da imigração.

Fonte: Folha.com 

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Genoino anuncia saída do governo e diz: 'Uma injustiça monumental foi cometida'



O ex-presidente do PT José Genoino, condenado pela maioria do Supremo Tribunal Federal (STF) por corrupção ativa , leu, nesta quarta-feira, uma carta na sede do diretório nacional do partido, anunciando que abre mão do seu cargo no governo e que considera o julgamento do mensalão injusto, sem provas e pautado por setores da mídia e adversários políticos de seu partido. Ele, que atualmente é assessor especial do Ministério da Defesa, disse que vai continuar fazendo, democraticamente, o debate junto à sociedade, defendendo sua inocência.
"Retiro-me do governo com a consciência dos inocentes. Não me envergonho de nada. Continuarei a lutar com todas as minhas forças por um Brasil melhor, mais justo e soberano como sempre fiz", disse Genoino.
Genoino, o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu e o ex-tesoureiro do partido Delúbio Soares foram condenados pela maioria do STF por corrupção ativa na terça-feira. O ex-presidente do PT foi considerado culpado por sete dos oito ministros que já se pronunciaram, com exceção de Ricardo Lewandowski, revisor do processo, que considerou que Genoino só estava sendo condenado pelo fato de ter sido presidente do PT.
Bastante nervoso e com as mãos trêmulas, o ex-presidente do PT iniciou sua leitura nesta manhã com um verso do Poeminho do Contra , de Mário Quintana, (Eles passarão, eu passarinho) - porém lido de forma diferente: "Eles passarão, eu passarei", disse Genoino.
Fonte: IG/Último Segundo 

De olho em 2014, Lindbergh e Cabral se enfrentam no interior do Rio




O governador do Rio, Sérgio Cabral (PMDB) e o senador Lindbergh Farias (PT) vão medir forças no segundo turno na região metropolitana. Os três têm interesses na sucessão estadual, em 2014.

Além da vitória eleitoral em cidades na região metropolitana, o objetivo é formar base para eventual candidatura em 2014. O resultado é considerado importante, mas o segundo turno será usado principalmente para exposição dos candidatos.

Cabral tenta alavancar o nome do seu vice-governador, Luiz Fernando Pezão (PMDB). Lindbergh quer ampliar visibilidade e se aproximar de eventuais aliados para dar musculatura à candidatura que pretende lançar. O petista tenta lançar seu nome com o apoio do PMDB em 2014. Mas articulou nessas eleições municipais alianças com PSB, PDT, PRB e PC do B a fim de se aproximar dessas siglas.

O segundo turno em Duque de Caxias, terceiro colégio eleitoral do Estado, com mais de 600 mil eleitores, é um dos principais na região metropolitana. O candidato de Cabral, Washington Reis (PMDB), disputa a prefeitura com Alexandre Cardoso (PSB).

O apoio do PT ao candidato socialista foi parte da exigência do PSB para apoiar Fernando Haddad (PT) em São Paulo. A estimativa da sigla era obter cerca de 35, mas venceu em apenas 22, disputando o segundo turno em quatro.

O PT venceu em dez cidades, contra seis vitórias em 2008. Lindbergh visitou 61 dos 92 municípios e usou o tempo de TV dos candidatos a prefeito e vereador para divulgar sua imagem no interior.

Fonte: Folha.com 

terça-feira, 9 de outubro de 2012

TSE faz esforço concentrado para julgar casos da Ficha Limpa




O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) dará prioridade nesta semana ao julgamento de recursos que envolvem candidatos às eleições de 2012 impugnados pela Lei da Ficha Limpa. O tribunal informou que não será possível julgar todos os recursos, mas haverá esforço concentrado para acelerar as decisões.

O julgamento no TSE pode mudar resultados das eleições em municípios onde candidatos barrados pela lei tiveram contagem de votos suficiente para ser eleitos ou para disputar o segundo turno, em 28 de outubro. A presidente do TSE, ministra Cármen Lúcia, explica que os candidatos com pendências no tribunal não devem ter os votos invalidados até que a decisão da Justiça seja definitiva. 

Estes recursos podem se referir tanto a impugnações baseadas na Lei da Ficha Limpa, quanto a outras irregularidades. No total, foram mais de 6,9 mil processos recebidos pelo tribunal, dos quais cerca de 3,6 mil estão com julgamento pendente. No caso da Lei da Ficha Limpa, há 2.247 recursos no TSE, dos quais 764 foram julgados até o momento.

A Lei da Ficha Limpa, Lei Complementar 135/2010 proposta por iniciativa popular, proíbe a candidatura de políticos condenados pela Justiça ou que renunciaram para não enfrentar processo de cassação de mandato. O objetivo da lei é proteger a probidade administrativa e a moralidade no exercício do mandato.

As eleições do último domingo (7) foram as primeiras sob o vigor dessa lei. Caso a decisão do TSE não seja favorável, os candidatos podem recorrer ao STF (Supremo Tribunal Federal).

Fonte: Folha.com 

sexta-feira, 5 de outubro de 2012

TREs montam operações de guerra para garantir eleições em regiões isoladas




Para garantir a realização das eleições nas localidades mais isoladas do Brasil, os TREs (Tribunais Regionais Eleitorais) precisam montar operações de guerra. Carros, ônibus, caminhões, caminhonetes com tração nas quatro rodas, barcos, canoas, aviões, hidroaviões e helicópteros são utilizados para transportar 501,9 mil urnas eletrônicas a 418,7 mil sessões eleitorais pelo país. 

Cada um dos TREs monta seu esquema de distribuição. Haverá eleição até em localidades que não estão no mapa, literalmente. Mojuí dos Campos (PA), por exemplo, desmembrou-se de Santarém em 2009. Seus 16.867 eleitores escolherão pela primeira vez o prefeito. O município nem sequer está na listagem de cidades do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Para percorrer os 240 km entre Santarém e a comunidade de Santa Maria do Aru, a equipe do tribunal usará caminhonete, balsa e canoa motorizada. Em Goiás, o deslocamento dos servidores até as localidades de Niquelândia e Cavalcante, onde vivem os calungas (descendentes de quilombolas), é feito por terra. 

Durante cinco horas, eles enfrentam uma região montanhosa, com estradas precárias e desfiladeiros, em uma época de muita chuva. As 12 urnas são transportadas por dois helicópteros. Cada um é alugado por R$ 15 mil, segundo o secretário de tecnologia da informação do TRE goiano, Dory Gonzaga.

Em outros 18 pontos do Estado, satélites vão transmitir os resultados. O aluguel de cada um custa R$ 3.000. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aluga os equipamentos de transmissão via satélite para 1.274 localidades a partir das quais o tempo de deslocamento até a corte local seja superior a três horas.

Técnicos dos tribunais em 15 Estados retiram o cartão de memória das urnas e o colocam num equipamento com antena que, ligado a um notebook, envia os dados para a Justiça Eleitoral.

Fonte: Folha.com 

Inflação oficial acelera para 0,57% em setembro, mostra IBGE




O Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), considerado a "inflação oficial" do país, por ser usada como base para as metas do governo, acelerou de 0,41% em agosto para 0,57% em setembro, segundo informou, nesta sexta-feira (5), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A taxa é a maior para o mês de setembro desde 2003.
No ano, o índice acumula alta de 3,77%, abaixo da variação de 4,97% no mesmo período do ano passado. Já em 12 meses, o IPCA tem alta de 5,28%, acima dos 5,24% registrados nos 12 meses imediatamente anteriores. Em setembro do ano anterior, o indicador havia ficado em 0,53%.
O que mais pesou sobre a aceleração do IPCA foi a variação dos preços relativos a alimentos, que registrou avanço de 1,26%, acima da taxa de 0,88% referente a agosto. Esse grupo foi responsável por mais da metade do indicador (53%). Entre os locais analisados pelo IBGE, as maiores altas foram vistas nas regiões metropolitanas de Recife (2,01%) e Fortaleza (2,04%).
Dentro do grupo de alimentos, o que mais pesou foi a variação dos preços das carnes, que chegaram a subir 2,27%. Também tiveram aumentos, mas representaram peso menor, foram  arroz (8,21%), pão francês (3,17%) e frango (4,66%).
Também registrou alta, entre os outros grupos analisados pelo IBGE, o de habitação, cuja taxa de variação passou de 0,22% em agosto para 0,71% no mês seguinte. As principais influências partiram de tarifas de energia elétrica (de - 0,83% em agosto para 0,83% em setembro), aluguel residencial (de 0,43% para 0,61%), condomínio (de 1,06% para 1,19%), taxa de água e esgoto (de 1,04% para 0,92%) e gás de botijão (de - 0,48% para 1,27%).
Seguiram o mesmo comportamento as despesas pessoais, que subiram de 0,42% em agosto para 0,73% em setembro, com destaque para o item recreação (de - 0,54% para 0,79%) e dos empregados domésticos (de 1,11% para 1,24%).
Fonte: Globo.com

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Ônibus do Rio movidos a diesel de cana-de-açúcar



Os ônibus dos corredores expressos BRT serão movidos a diesel de cana-de-açúcar. O combustível que reduz em 90% a emissão de gases poluentes, com o mesmo rendimento, vai abastecer a partir do início de 2013 os 91 ônibus do Transoeste (Barra da Tijuca-Santa Cruz). 

Até os Jogos 2016, toda a frota das seletivas BRT e linhas alimentadoras usarão o novo produto. Testes feitos em 20 ônibus que circulam na Zona Sul e Tijuca — nas linhas 409 e 125 — mostraram que o diesel de cana de açúcar tem a mesma capacidade dos de origem de mineral com a vantagem de reduzir em 90% a emissão de gases do efeito estufa.

Até 2014, ano da Copa no Brasil, a expectativa é que o Transcarioca (Barra-AeroportoTom Jobim) também esteja sendo abastecidos por diesel de cana. Em 2016, se somarão os corredores Transolímpica (Barra-Deodoro) e Transbrasil (ao longo da Avenida Brasil). Os testes começaram em janeiro e vão durar um ano. O novo combustível é na verdade uma mistura, com 30% de diesel de cana e o restante de biodiesel e diesel fóssil. 

Movidos pelo novo produto, os os coletivos apresentaram redução média de 1,5% de emissão de fumaça preta. O gerente de mobilidade urbana da Fetranspor, Guilherme Wilson, disse que já foi instalada bomba especial em garagem de Campo Grande para abastecer os ônibus da Transoeste.

O diesel de açúcar virá de São Paulo e será misturado na Reduc, em Caxias. “Apesar de ser mais caro, as vantagens do novo diesel para o ambiente e, consequentemente, para o cidadão são infinitas. As empresas estão se adaptando à sustentabilidade, esse é o futuro”, afirmou. 

Não é necessário adaptar o motor para utilizar o combustível "verde", que é fabricado pela fermentação do caldo de cana, em processo similar ao da produção do álcool. A diferença é o uso de leveduras geneticamente modificadas. Por ser vegetal, o óleo é isento de enxofre, principal responsável pela emissão de poeira.

Fonte: Jornal O Dia